Diário de Bordo- A preparação - por Anderson Pedreira

Publicado em 16/01/2015 às 19h55

Oi, pessoal!

De novo por aqui! Voltamos dia 2/1 mas só agora, depois de passada a tempestade de apagar os incêndios do trabalho, tive um tempinho pra falar um pouco sobre nossa viagem. Desculpe pela demora, Nely Rezende e Fernanda Ragazzi!! Estava devendo e mereci a puxada de orelha, rsrsrs!

Mas não vou falar agora sobre tudo, senão esse texto vai virar uma enciclopédia (daquelas do meu tempo, impressas, grandes e pesadas, não essas que vêm em um CD, kkkk).

Vamos por partes...Nesse primeiro post vou falar um pouco sobre o problema que eu tive e que talvez alguns por aqui também tenham. 15 anos da filhota! Festa ou viagem? Confesso que eu não tinha bala na agulha para os dois, no padrão que acho que minha filha merece! Portanto, tínhamos que decidir, ou melhor, a baixinha tinha que decidir e eu e a mãe ficarmos na torcida pela viagem, kkkk!

Minha baixinha fez 15 anos em dezembro de 2014. Novembro de 2013 foi o prazo que dei para que ela decidisse se queria a festa ou uma viagem, para que nós pudéssemos organizar tudo.

Apesar de já termos ido a Orlando, com certeza a cidade entraria no roteiro novamente! Como fizemos um cruzeiro por aqui e gostamos, ela quis misturar tudo: cruzeiro pelo Caribe, Miami e Orlando.

Fiz um orçamento rápido de uma festa muito boa e de uma viagem (cruzeiro pelo Caribe, Miami e Orlando). Graças ao bom Deus ela se decidiu pela viagem, pois com o valor de uma festa de 5 horas daria para nós 3 viajarmos (pai, mãe e filha) e ainda sobrava algo.

É isso mesmo...com um bom planejamento e com bastante antecedência, conseguimos boas tarifas tanto de aéreo (TAM) quanto terrestre (hotéis e carro), mesmo a segunda quinzena de dezembro sendo a mais cara e a mais cheia por lá. O cruzeiro saindo de Miami? A METADE dos valores dos daqui! Fechei tudo em março de 2014 com a TAM. E ficou MAIS BARATO DO QUE A FESTA!!!

Saiu mais barato na TAM do que comprar tudo separadamente, pelos sites especializados, pois depois que fiz o levantamento de tudo o que queríamos (aéreo, cruzeiro, carro, hotel em Miami, hotel em Orlando e ingressos), com os valores, entrei numa loja da TAM Viagens e pedi um orçamento idêntico.

Quando vi que ficou um pouco mais caro (por volta de 400 dólares a mais), disse à agente de viagem que comprando fora sairia mais barato, agradeci e estava saindo, quando ela me perguntou se eu tinha como comprovar aqueles valores. Como eu tinha tudo no meu email, abri lá mesmo e mostrei a ela, que, então, pediu á supervisora que desse uma olhada nos dois orçamentos. O resultado foi que eles reduziram o valor do aéreo, que é deles, e trocaram o hotel de Miami Beach para Downtown Miami (ótimo hotel, era quase em frente ao Bayside Marketplace), fazendo com que os valores da TAM ficassem um pouco mais baixos (350 dólares a menos). Fechei na hora, pois o aéreo era direto (GIG-MIA-GIG), atendia a tudo que eu queria e tudo ficaria centralizado em apenas uma agência, no caso de algum problema.

No próximo post vou falar um pouco sobre o que achei de Miami e do cruzeiro. Sei que fazer um cruzeiro não é o objetivo de muitos aqui desse grupo, mas pra quem quiser juntar Disney e navio, existe a opção do Disney Cruise Line e é bom ter algumas dicas!

Abraços a todos!

Enviar comentário

voltar para Relatos de Viagens !!!!

left show tsN fwB|left tsN fwR fsN|left show fwR|b01 bsd c10|||news login fwB tsN fwR tsY b01 c05 bsd|normalcase fsN fwR c10|b01 c05 bsd|login news c05|tsN normalcase fwR c05|b01 normalcase c05 bsd|content-inner||